Rui Tinoco - Poesia

Inicialmente

Inicialmente

a procura é cega, os olhos estão vendados,

a boca sequiosa

sobre uns sentidos desordenados,

céleres ao mesmo tempo.

Procuramos, sem saber o quê,

impulsionados pelo corpo que se ergue

começando a desejar sem palavras

apenas crescendo para o mundo,

exigindo da terra uma metade

que o complete.

Inicialmente a procura é cega, dizia,

e se por acaso tropeçamos num corpo,

amamos nesse corpo o sonho utópico da infância,

 o que o nosso coração

espera da própria vida.

Ao despertarmos do idílio

aprenderemos, amargamente, que é só

o inalcançável que, na verdade, importa.

Anúncios

2 thoughts on “Inicialmente

  1. Interpreto aquilo que é a essência do ser humano, como ser que se constitui e evolui. Viver pode ser amargamente doce, mas viver com consciência do inalcançável poderá ser um forma de não viver.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s