Escritas em prosa

Sobre Munch e a toxicodependência

Uma imagem final: tendo como pano de fundo a descomunicação social e o alarmismo que os níveis mediáticos encerram, os indivíduos recriam essa disfuncionalidade em si mesmos. Como no O Grito de Edvard Munch: o sofrimento psicológico está no indivíduo e na paisagem, não sabemos ao certo de onde provém todo esse sofrimento. É o indivíduo que contamina a paisagem com o seu profundo mal-estar, ou é a paisagem que o mergulha na dor, como se ele não existisse e fizesse parte dela?

Rui Tinoco

Anúncios

2 thoughts on “Sobre Munch e a toxicodependência

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s