Notícias / Poesia Portuguesa

Poema de Pedro S. Martins

Lenta chega

a manhã

para amansar

 

e compreender

o poema.

 

Redenção

da noite passada

na rutilante

 

escrita

às escuras.

 

Pedro S. Martins, Palinopsia, Edições 50 Kg, Porto, 2011.

Capa de Ana Ulisses.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s