Rui Tinoco - Poesia

escrever eu é criar uma alteridade

escrever eu é criar uma

alteridade. um personagem

fictício, habitante do branco

que agora rebrilha. a força

do sol cria nuances no papel:

sem nada estar escrito

vou-me maravilhando.

RT, 2012

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s