Curtas / Escritas em prosa

Paradoxo

A maioria das pessoas, por  razões que desconheço, julga que as histórias têm fim. Mais ainda: avaliam as  histórias pelo modo como elas terminam. É irónico: gostam desta e daquela,  odeiam outra, precisamente por uma falsidade, um engano.
As histórias não terminam  nunca. Fundem-se com outras, é certo. Podem tornar-se silenciosas. Mas nunca se  acredite nisso que terminam…. Olhem, neste caso, o personagem principal  encontrou a sua bem-amada e sentaram-se para uma conversa séria no banco que  fica depois do último capítulo.

Leia Mais:  http://nanquin.blogspot.com/2012/09/paradoxo.html#ixzz2UZpovy5d

Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial No Derivatives

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s