António Franco Alexandre / Poesia Portuguesa

há uma terra dentro das palavras, António Franco Alexandre

há uma terra dentro das palavras,

o erro musical.

saberás que a linguagem

não começou ainda

 

o seu passo perdulário,

não há, no mundo, modos

de dizer o movimento e o imóvel,

o surgir repetido, e quando a água

 

se levanta sobre as bocas

dos animais,

 

esta impressão apenas digital

de nenhum sopro,

o liso, limpo silêncio, o frívolo,

o estremecer dos flanco na brancura.

*

de A Pequena Face, António Franco Alexandre

Lisboa, 1983, Assírio & Alvim

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s