Giorgios Seféris

IV – Poema de Giorgios Seféris

Há anos que disseste:

«No fundo sou uma questão de luz».

E ainda agora quando te encostas

nas omoplatas pesadas do sono

até mesmo quando te ancoram

no peito adormecido do mar

procuras cantos em que o negro

se insinuou e não aguenta

procuras às apalpadelas a lança

certa para te trespassar o coração

para o abrir à luz.

*

Giorgios Seféris

Tradução de Rosa Salvado Mesquita

Revista de poesia e Tradução DiVersos

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s