Rui Tinoco - Poesia

a criança descobre o peso

À Ana Beatriz

a criança descobre o peso

da despedida. chora

mas rapidamente se ergue

para a brincadeira. na mesa,

bebo café, reparo nestes

movimentos: a descoberta

do irreversível como um

tropeção no faz-de-conta.

pouco depois é o próprio corpo

que cresce e se modifica.

a inocência muda de cor.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s